Curso de Observação de Aves (Birdwatching)

20/10 – 21/10 – 22/10

O Birdwatching (Observação de Aves) é um hobby antigo praticado no mundo inteiro, com milhões de adeptos. No Brasil, as pessoas gostam de fotografar as aves e a atividade tem crescido com a popularização das câmeras digitais, redes sociais e sites colaborativos. Pessoas de todas as idades têm aproveitado seus momentos de folga para observar aves em vida livre, tirando fotos, gravando seus cantos ou simplesmente contemplando seus maravilhosos modos de vida. Observar aves também é mais um motivo para passear e viajar mais, estar em contato com a natureza, adquirir novos conhecimentos e conhecer outras pessoas apaixonadas pela natureza.

Mas ainda não existem muitos cursos que permitam ao interessado iniciar nessa prática que além de instrutiva, é uma excelente maneira para o alívio do estresse do dia a dia. E é aí que a gente entra. Este curso que oferecemos agora é um primeiro passo para todos os que desejam conhecer um pouco mais sobre a natureza, por meio das aves. Principalmente prático, ele traz noções gerais sobre as aves, suas características, comportamentos e aspectos curiosos e, em especial, as ferramentas necessárias para o ingresso no Birdwatching. Uma vez conhecendo um pouco desse maravilhoso universo, qualquer pessoa estará apta a conhecer e reconhecer nossas aves, por meio de saídas de campo e acompanhamento técnico da melhor qualidade.

Local: Curitiba conta com uma das maiores riquezas de aves dentre todas as demais capitais brasileiras, abrigando quase 400 espécies que podem ser encontradas nos parques urbanos, reservas naturais e mesmo nos bairros e no centro da cidade.

CONTEÚDO

Parte 1 – Conhecendo as Aves


INTRODUÇÃO
Riqueza de espécies e de características; onde, quando e por que observar aves? Tipos de observador; princípios de classificação das aves; nomes populares e científicos;


FORMAS E CORES
Topografia; padrões de coloração; regiões do corpo; tipos de penas; aspectos complementares (comportamento, ambiente)

Parte 2 – Técnicas de Campo


TÉCNICAS VISUAIS
Utilização do binóculo e outros equipamentos; técnicas de anotação descritiva e desenhos; literatura impressa, digital e online; recursos adicionais (museus).


TÉCNICAS AUDITIVAS
Tipos de manifestações sonoras; fonética das emissões sonoras; técnicas de anotação; literatura digital e online; recursos adicionais (arquivos sonoros).

Parte 2 – Técnicas de Campo


TÉCNICAS VISUAIS
Utilização do binóculo e outros equipamentos; técnicas de anotação descritiva e desenhos; literatura impressa, digital e online; recursos adicionais (museus).


TÉCNICAS AUDITIVAS
Tipos de manifestações sonoras; fonética das emissões sonoras; técnicas de anotação; literatura digital e online; recursos adicionais (arquivos sonoros).

Parte 3 – Descobrindo as Aves


INTRODUÇÃO
Comportamento do observador; Ver e observar – ouvir e escutar; procedimentos em campo; aproximação; percepção do ambiente e seus componentes; o material do observador; contato com a ave; manuseio e familiarização com equipamentos visuais e sonoros.


OBSERVAÇÃO E ANOTAÇÕES
Aplicação dos conhecimentos teóricos: procurar, encontrar, observar, descrever; descrições e anotações em campo.

Parte 4 – Reconhecendo as Aves


IDENTIFICAÇÃO
Aplicação dos conhecimentos teóricos: pesquisar, identificar, estudar.


CHECKLIST
Elaboração de lista de espécies; critérios, precisão.


INTERAÇÃO
Ciência cidadã; documentação; carregamento de arquivos fotográficos e sonoros; alimentação de informações públicas; participação em grupos de discussão; redes sociais.

Parte 4 – Reconhecendo as Aves


IDENTIFICAÇÃO
Aplicação dos conhecimentos teóricos: pesquisar, identificar, estudar.


CHECKLIST
Elaboração de lista de espécies; critérios, precisão.


INTERAÇÃO
Ciência cidadã; documentação; carregamento de arquivos fotográficos e sonoros; alimentação de informações públicas; participação em grupos de discussão; redes sociais.

PROGRAMAÇÃO

O curso tem carga horária total de 16 horas, sendo 13 horas de aulas práticas.


A aula teórica da sexta-feira (20 de outubro) será realizada no Ace Coworking, localizado na R. Almirante Tamandaré, 500, Alto da XV, com estacionamento e coffee break.

No sábado (21 de outubro), a turma terá disponível uma van para o deslocamento até o local das aulas práticas, que serão realizadas no Centro de Pesquisa para a Conservação da Floresta Atlântica, região metropolitana de Curitiba. Neste dia serão oferecidos coffee break e almoço em lugar privilegiado para a observação de aves. A van trará os participantes de volta a Curitiba após o término das aulas práticas, no final da tarde.

No domingo (22 de outubro), as atividades serão realizadas em área verde de Curitiba especialmente escolhida para observar aves dentro da cidade. Neste dia também será servido um coffee break especial para os alunos.

Valor do Curso: R$420,00 (1° Lote)

(VAGAS LIMITADAS)

O valor pode ser pago através de boleto bancário, depósito em conta ou cartão de crédito ou débito, através do Pagseguro, com opção de parcelamento em até 3x sem juros.

Estão incluídos no valor: curso, alimentação, transporte, material didático e certificado.

OS PROFESSORES

PEDRO SCHERER NETO


PEDRO SCHERER NETO é o pioneiro da Ornitologia paranaense contemporânea, tendo iniciado sua pesquisas há mais de 40 anos em viagens ininterruptas por todas as regiões do Brasil e muitos lugares do exterior. Foi um dos precursores da prática de observação de aves, orientando estudiosos e leigos e liderando a criação de clubes de observadores em todo o país. Foi presidente de Sociedade Brasileira de Ornitologia e diretor do Museu de História Natural Capão da Imbuia, sendo também um ardoroso defensor da conservação da natureza. Publicou diversos artigos técnicos e livros, dentre eles as quatro edições atualizadas da lista das aves do Paraná. É natural de Curitiba, Paraná, graduado em Agronomia e possui Mestrado em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná. É consultor ad hoc da Fundação O Boticário de Proteção À Natureza e revisor de trabalhos científicos para publicações científicas especializadas em Ornitologia, além de ser membro de comitês para conservação e manejo de espécies ameaçadas, como o da arara-azul-grande e ararinha-azul.

ALBERTO URBEN FILHO


ALBERTO URBEN FILHO possui graduação em Bacharelado em Biologia pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (1997); engajou-se em sua carreira acadêmica como zoólogo, mais especificamente ornitólogo, dedicando-se ao estudos das aves brasileiras. Os trabalhos elaborados abarcaram desde aspectos da história de naturalistas viajantes, inventários e aspectos biológicos, comportamentais e corológicos da avifauna brasileira. Foi diretor de Unidade de Conservação (Parque Estadual do Guartelá, PR) e atuou na iniciativa privada (Companhia Paranaense de Energia, por exemplo) como biólogo. Durante muitos anos desenvolveu trabalhos como consultor autônomo, adquirindo experiência em vários setores da economia brasileira como o de energia elétrica (licenciamentos e/ou gestão de usinas hidrelétricas, linhas de transmissão de energia e eólicas), minerário (jazidas de calcário e areia), transporte (rodovias), dentre outros. Atualmente é sócio-diretor da Hori Consultoria Ambiental, empresa especializada em estudos de meio biótico, onde atua como diretor administrativo-financeiro.

Local das Aulas Práticas


 

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato através do e-mail contato@horicursos.com.br